-

seja responsável pela sua felicidade



Não existe cilada maior do que terceirizar a nossa felicidade e bem estar. Sempre gostei de acreditar que eu era uma mocinha independente e que mandava na própria vida, porém, sei que isso sempre esteve longe da verdade.
Sempre me entreguei demais e tive minhas expectativas frustradas. Mas até aí, quem nunca, não é mesmo?
O problema é que sempre descontei essas frustrações em mim: se fulano não gostava de mim, eu não merecia ser feliz. Se ciclano me rejeitou, eu não merecia amor. Se beltrano não quer ser meu amigo, é bem capaz de que ninguém nunca queira.

Precisei de anos e de muitos tombos seguidos para entender que ser feliz não era uma tarefa que dependia de terceiros.

Ser feliz envolve é uma tarefa que começa de dentro pra fora. Nós precisamos criar maturidade para aceitar os resultados que a vida nos dá e tentar encontrar uma lição positiva em meio a todo o caos.

Agora você deve estar pensando: mas como é que faz isso, Monique?
E eu lhes respondo: infelizmente, não tenho nenhuma solução concreta para oferecer, já que eu mesma ainda estou descobrindo como posso ser feliz por conta própria.
O que eu posso garantir é que é preciso uma coragem gigantesca para cortar todas essas "fontes imaginárias" de felicidade e começar a depender de somente de você e mais ninguém!

Portanto, antes de colocar muitas expectativas no colo alheio, tente se lembrar: você é a única responsável por sua felicidade. Você não pode controlar o mundo, mas é a dona de sua própria história. Não está bom? Mude! Transforme! 
Interprete tudo como uma lição e não uma sentença de morte. 

Te garanto que a vida se tornará bem mais leve a partir daí!

Arte: Vintage Legal
Mia Fernandes
Comentários do Facebook
0 Comentários do Blogger