-

como sair da sua zona de conforto


Eu me demiti. Gostaria de dizer que foi uma decisão fácil e que me trouxe muito alívio, porém, a perspectiva de não ter outro trabalho engatilhado me encheu de dúvidas. Já estava com a ideia fazia algum tempo na cabeça, somente esperando o momento em que ela estaria madura suficiente para que eu formalizasse esta vontade.

Após muito choro e crise nervosa, hoje me sinto liberta. Pela primeira vez em minha vida, estou saindo da minha zona de conforto. Estou aberta para novos projetos e formas diferentes de viver minha vida.
Nunca havia experimentado tal sensação antes. Poder acordar todos os dias e me lembrar de que tomei uma decisão que pela primeira vez, me beneficia antes de beneficiar a qualquer um.
Com esta energia e pique que me foram devolvidos, resolvi que estava na hora de romper todas as correntes que ainda me prendiam numa zona de pretensa segurança.

É óbvio que este processo será longo e não se completará do dia para a noite. Entretanto, estou aqui para dividir com vocês algumas decisões que podem mudar o seu jeito de viver para a melhor.
Estão preparadas? Então anotem aí:


Nunca mais use a frase “Tenho que”.
Eis um segredo que poderá mudar sua imagem mental da vida. Toda vez que nos impomos alguma obrigação, colocamos mais um tijolinho ao redor da zona de conforto. Você não “tem que” coisa nenhuma! Quem disse que tem que trabalhar? Que tem que estudar? Tem que agradar aos outros? Se você realmente quer mesmo usar um “tem que” em sua vida, a partir de hoje, só pense que tem que ser feliz.


Escute as outras pessoas
Tá aí um exercício que me foi muito complicado. Às vezes escutar ao próximo é quase tão complicado quanto sair da zona de conforto em si. Todavia, é importante reconhecer outras linhas de pensamento e visões. Talvez, nesta experiência, você acabe encontrando aquele sentido que tanto buscava para si.


Faça uma coisa diferente por dia
Agora estamos na parte divertida: tente fazer ao menos uma coisa completamente diferente todo santo dia. Mude o caminho para o trabalho. Peça algo diferente em seu restaurante favorito. Experimente uma bebida nova. Escute um ritmo de música com o qual você não está acostumado.
Estas pequenas tentativas de “libertação” podem lhe preparar para decisões maiores num futuro próximo.


Não planeje
Tá aí algo que me deixa MA-LU-CA! Sou bem organizada com meus compromissos e fazer algo simplesmente por fazer, está fora de cogitação pra mim! Estou me esforçando todos os dias para aproveitar o momento e pirar um pouco menos nos meus planos.


Evite o stress
Já reparou que ficamos excepcionalmente estressados quando as coisas não vão do jeito que planejávamos? A lição mais importante aqui é parar de esperar tanto das situações e das pessoas. Quando simplesmente aceitamos a adversidade e levamos tudo como aprendizado, paramos de nos sentir tão estressados o tempo todo!
Toda vez que sinto que estou ao ponto de surtar, me desligo do mundo, coloco um mantra e tento relaxar. Nunca tome suas decisões com a cabeça quente!

Por fim, queria relembrar que a mudança não ocorrerá do dia para a noite. Talvez você precise de um tempo para processar melhor e aceitar de peito aberto esta nova vida. Mas o meu conselho mais importante aqui é: não desanime! Tem uma vida maravilhosa te esperando aqui fora da zona de conforto! =)


Mia Fernandes
Comentários do Facebook
4 Comentários do Blogger